10 funções nativas do PHP que poucos desenvolvedores conhecem, confira nesse post!

10 Funções PHP DesconhecidasHoje vou demonstrar 10 funções PHP que são nativas da linguagem, porém alguns desenvolvedores novatos ou até os mais experientes desconhecem.

Observação: Estou na reta final da minha pós graduação e por isso ando meio ausente com publicações, o desenvolvimento e escrita do TCC toma muito tempo, mas já tenho projetos para posts melhores e vídeos no futuro.

 

Funções PHP desconhecidas

O PHP possui uma gama de funções nativas, devido a grande quantidade é uma tarefa quase impossível lembrar de todas e principalmente quais são os parâmetros.

Inclusive ordem dos parâmetros é um problema quando precisamos usar funções PHP, principalmente quando são opcionais.

Post relacionado:  10 pegadinhas PHP escondidas na linguagem

 

1 – ltrim() e rtrim()

Coloquei 2 funções no mesmo item pelo fato das 2 serem semelhantes, a única diferença é a extremidade da string que será limpa.

A função ltrim() retira espaços a esquerda da string, porém se for passado um intervalo de caracteres no segundo parâmetro esses serão retirados a esquerda da string, sintaxe:

Exemplo:

 

A função rtrim() retira espaços a direta da string, porém se for passado um intervalo de caracteres no segundo parâmetro esses serão retirados a direita da string, sintaxe:

Exemplo:

 

2 – ucwords()

A função ucwords() recebe uma string como parâmetro e converte o primeiro carácter das palavras para maiúsculo.

Diferente da função ucfirst() que converte em maiúsculo apenas o primeiro carácter da string.

Sintaxe:

Exemplo:

 

3 – list()

A função list() cria variáveis a partir dos itens de um array().

Sintaxe:

Exemplo:

 

4 – sort()

A função sort() é tão simples como o nome, ela serve para ordenar valores de um array() passado no primeiro parâmetro, essa tarefa é meio ingrata em várias linguagens de programação. 

O segundo parâmetro é opcional e modifica a forma como são comparados e ordenados os valores, por padrão é usado “SORT_REGULAR” (compara os itens mas não modifica os tipos).

Sintaxe:

Observem que o parâmetro $array é passado por referência, identificamos isso pelo uso do carácter “&” antes do parâmetro, nesse caso o array() base será modificado.

Exemplo:

 

5 – checkdate()

A função checkdate() valida uma data Gregoriana, ela recebe 3 parâmetros (mês, dia e ano) e verifica se os mesmos estão dentro do range aceito, inclusive para anos bissextos.

Sintaxe:

Exemplo:

 

6 – nl2br()

A função nl2br() ajuda muito quando temos um texto com quebras de linha “\n” e precisamos adicionar quebras em HTML “<br>”, basta passar como parâmetro o texto que precisamos adicionar as quebras.

Sintaxe:

Exemplo:

 

7 – parse_str()

A função parse_str() converte uma string passada no primeiro parâmetro (geralmente QUERY_STRING) em variáveis, caso seja informado o segundo parâmetro os valores serão mapeados em forma de array().

Sintaxe:

Observem que o parâmetro $array é passado por referência, identificamos isso pelo uso do carácter “&” antes do parâmetro.

Exemplo:

 

8 – http_build_query()

A função http_build_query()  gera uma url idêntico a uma “QUERY_STRING” a partir do array() passado como primeiro parâmetro.

O segundo parâmetro é opcional e serve para prefixar índices e valores numéricos em casos onde o array() passado como parâmetro possui índices numéricos.

O terceiro parâmetro também é opcional, se informado identifica qual será o caracter separador de argumentos na string, por padrão é “&”.

Sintaxe:

Exemplo:

 

9 – iconv()

A função iconv() já me tirou de muitas “enrascadas”, com ela podemos converter uma string para outro charset, basta informar o charset atual, o charset para qual queremos converter e por último a string.

Sintaxe:

Exemplo:

 

10 – shuffle()

A função shuffle() mistura elementos de um array() passado como parâmetro.

Sintaxe:

Observem que o parâmetro $array é passado por referência, identificamos isso pelo uso do carácter “&” antes do parâmetro, nesse caso o array() base será modificado.

Exemplo:

 

Post relacionado:  10 Boas Práticas de Programação

Conclusão

Bom pessoal nesse post demonstrei 10 funções PHP que muitos desenvolvedores não conhecem, presencio muitos profissionais reinventando funções ao invés de pesquisar por soluções que o próprio PHP fornece nativamente.

Muitas funções PHP as vezes passam desapercebidas porque nunca precisamos de tal solução, porém conhecimento nunca ocupa espaço então vale a pena conhecer um pouco mais!

Espero que tenham gostado e até a próxima …

Se você gostou compartilhe esse post nas redes sociais, ajude o blog DevWilliam a crescer!

Show Buttons
Hide Buttons